2/10/2017 19:00 Planalto afirma em nota que Decreto dos Portos foi resultado de amplo debate

A Presidência da República afirmou que o chamado Decreto dos Portos, assinado pelo presidente Michel Temer em maio, ocorreu após “longo processo de negociação” entre o governo e o setor portuário. Em nota divulgada à imprensa hoje (2), o Palácio do Planalto defendeu Temer, investigado em inquérito pelo suposto favorecimento da empresa Rodrimar S/A na edição desse decreto em maio passado.

“O presidente da República, Michel Temer, responderá aos questionamentos pertinentes ao inquérito. Vale destacar que houve amplo debate com o setor antes da publicação do decreto de renovação das concessões de portos”, disse a nota do Palácio do Planalto.



MAIS NOTÍCIAS DE ECONOMIA



16/11/2018 11:00 Em encontros bilaterais na Guatemala, Temer discute economia e turismo

8/11/2018 18:02 Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

30/10/2018 10:21 Indicador de incerteza da economia recua 11,2 pontos, diz FGV

26/10/2018 17:21 Extrativistas movimentam economia em áreas protegidas no Rio Xingu

18/10/2018 17:52 Abertas inscrições para evento de economia criativa em SP

16/10/2018 20:48 Bolsonaro diz que não haverá "cavalo de pau" na economia se eleito

8/10/2018 7:43 Nobel de Economia sai para dois americanos

3/10/2018 20:44 Negócios em casa aliam economia no aluguel e qualidade de vida

27/9/2018 8:38 BC reduz previsão de crescimento da economia para 1,4% este ano

19/9/2018 8:47 FGV: economia brasileira recuou 0,5% no trimestre encerrado em julho